Domingo
15 de Setembro de 2019 - 

Notícias

Newsletter

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . . . . .
Dow Jone ... % . . . . . . .

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 4,06 4,06
EURO 4,50 4,50

Maria da Penha na Roda de Tereré participa da Semana da Justiça pela Paz em Casa

A ação “Maria da Penha na Roda de Tereré”, idealizada pela Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar de MS, teve mais uma edição na manhã dessa quarta-feira (21) com uma palestra para cerca de 70 trabalhadores da construção civil no Edifício Plaza Maior, em Campo Grande, abordando a questão da violência contra a mulher. A iniciativa faz parte das atividades que ocorrem nesta semana durante a 14ª edição do Programa Justiça pela Paz em Casa. A palestra, ministrada pelo psicólogo e membro da Coordenadoria de Política Judiciária Preventiva, Rodrigo Kenji, leva a discussão sobre violência contra a mulher para um ambiente predominantemente masculino, que são os canteiros de obras, com o intuito de conscientizar mais homens sobre os tipos de agressões que tantas mulheres sofrem e trazê-los para a luta pela igualdade de gênero, que não é somente das mulheres, mas da sociedade como um todo. Após o término da fala, foi aberto um espaço para que os participantes pudessem fazer perguntas e sanar suas dúvidas, refletir sobre o que foi apresentado e até contar casos próprios que envolvessem o assunto. Uma das origens do problema da violência contra a mulher no Brasil é educacional, logo, educar a população, de todas as idades e todos os extratos sociais sobre esta questão é imprescindível para mudar o cenário agressivo vigente. A atividade é executada pela Coordenadoria da Mulher do TJMS em parceria com o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário de Campo Grande – MS (Sintracom-MS). Ao longo de suas 16 edições, a “Maria da Penha na Roda de Tereré” já atingiu mais de 1.300 pessoas. Dados da violência no MS – Mato Grosso do Sul é o líder nacional em processos de violência doméstica contra a mulher, de acordo com estudo pulgado pelo Departamento de Pesquisas Judiciárias do CNJ (Conselho Nacional de Justiça). A pesquisa aponta que a cada cem mulheres residentes no estado, três entram na Justiça para denunciar um caso de violência. Em 2019, de janeiro até agosto, foram registrados 1.381 casos de violência física contra mulheres, 245 casos de violência sexual, 414 casos de violência psicológica/moral e 22 casos de agressão financeira, de acordo com o Sistema de Notificação e Agravos de Notificação (SINAN). Um dado positivo, no entanto, é o aumento de processos julgados na Justiça: um aumento de 19% de processos concluídos, entre 2016 e 2017, de acordo com o CNJ. O programa “Justiça pela Paz em Casa” é um dos fatores que impulsionou este crescimento: desde que foi adotado o projeto, em março de 2015, até sua 13ª edição, em março de 2019, foram proferidas 171.105 sentenças, concedidas 88.298 medidas protetivas, realizadas 1.300 sessões de juri e 196.309 audiências preliminares de e de instrução foram efetuadas. Paz em Casa – Em sua 14ª edição, o Programa Justiça pela Paz em Casa, promovido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em parceria com os tribunais estaduais, mobiliza magistrados e servidores no andamento de processos relacionados a violência doméstica e feminicídio. Além da priorização de julgamentos, a mobilização tem ações educacionais que sensibilizem a sociedade para a violência de gênero. Confira as ações que ainda estão programadas para esta semana pela Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar de MS para esta 14ª edição do programa: - dia 22/08 – Esquete teatral e roda de conversas com mães frequentadoras da Associação Renasce uma Nova Esperança; - dia 23/08 – Esquete teatral e palestra “Violência contra as Mulheres e suas Especificidades”, na Santa Casa de Campo Grande, com a juíza Helena Alice Machado Coelho.
21/08/2019 (00:00)

Contate-nos

Diego Brito Advocacia & Consultoria

Rua Esso  334
-  Jardim América
 -  Campo Grande / MS
-  CEP: 79080-070
+55 (67) 3201-9742
Visitas no site:  218046
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.